Seminário Regional – Restaura Alto Vale é realizado pela Apremavi

set 17, 2018 | Notícias, Restaura Alto Vale

Cento e cinquenta pessoas, entre técnicos, estudantes, professores, agricultores, e demais interessados no tema da Restauração, participaram do Seminário Regional – Restaura Alto Vale realizado pela Apremavi no dia 13 de setembro de 2018, em Rio do Sul (SC).

Edilaine Dick, coordenadora de projetos da Apremavi, abriu o seminário explicando o que é e quais são os abjetivos do projeto Restaura Alto Vale, além de falar da importância do projeto para a região do Alto Vale do Itajaí.

Em seguida o professor Ricardo Ribeiro Rodrigues, professor do Departamento de Ciências Biológicas da ESALQ/USP, falou sobre a “Importância da restauração florestal nas propriedades rurais da Mata Atlântica”, apresentou exemplos práticos, resultados de plantios de restauro e ressaltou o papel e responsabilidades do proprietário rural com a restauração de áreas degradadas.

Leandro da Rosa Casanova, assessor florestal da Apremavi, concluiu o seminário falando sobre a “Legislação ambiental aplicada a pequena propriedade rural” e destacou a importância do projeto Restaura Alto Vale como apoiador no cumprimento da legislação ambiental.

Ricardo Rodrigues, professor da ESALQ/USP, falou sobre a importância da restauração florestal nas propriedades rurais. Foto: Marcos A. Danieli.

Para Marcos Ferran, gestor do projeto e representante do BNDES, a programação promovida pela Apremavi foi excelente, “no Seminário as apresentações tiveram caráter bastante esclarecedor e foram acompanhadas por rodadas de perguntas e respostas que complementaram positivamente o tema“.

O seminário foi muito bem organizado e agregou conhecimentos valiosos à nós, técnicos da SPVS. Toda a equipe da APREMAVI está de parabéns pelo sucesso do encontro e principalmente pelo Projeto Restaura Alto Vale“, ressaltou Maria Vitória Yamada Müller, coordenadora do projeto Conexão Araucária, executado pela SPVS.

Projeto Restaura Alto Vale

Tem como principal objetivo restaurar áreas degradadas da Mata Atlântica, contribuindo com a adequação de propriedades rurais e a conservação de mananciais hídricos e da biodiversidade no Alto Vale do Itajaí, SC. São parceiros do projeto a AMAVI, a UNIDAVI, a EPAGRI, a Prefeitura Municipal de Atalanta e o ICMBio, assim como vários outros atores locais.

Com apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES, o Restaura Alto Vale é uma ótima oportunidade para o agricultor familiar recuperar as áreas de preservação permanente de sua propriedade e adequar-se à legislação ambiental.

Agricultores interessados em participar do projeto podem entrar em contato da seguinte forma:

  • Comunicando interesse a um técnico da Epagri; ou,
  • Diretamente com a Apremavi pelos telefones (47) 3521-0326 e 3535-0119 ou pelo e-mail: [email protected].

Autora: Edilaine Dick.

Pin It on Pinterest

Share This